Papo de mãe - Ainda amamento o David de 2 anos

sábado, outubro 21, 2017

Oláa meus amores, tudo bem com vocês?

Primeiramente desculpa pelo sumiço, sei que estávamos com post's diários, mais uma gripe me pegou de jeito e me deixou de cama essas duas semanas, por isso meu afastamento aqui. Mais teve vídeo lá no canal, por isso pesso sempre pra vocês se inscreverem lá também, por que se eu não aparecer por aqui, tô por lá. Mais já tô me recuperando, e já já voltaremos á nossa rotina diária ok.

Hoje vim falar de um assunto que gera muita polêmica e eu ainda não consegui entender o por que. "AMAMENTAÇÃO" Qual será o grande tabu por trás dessa história, por que será que gera tanta polêmica? Um ato tão natural, de amor de uma mãe para um filho. Hoje enfim resolvi falar sobre esse assunto, por que sim,eu ainda amamento meu primeiro filho.

Pra quem tá chegando por aqui agora, eu tô grávida de 7 meses, e tenho um filho que acabou de completar 2 anos, e eu ainda amamento meu primeiro filho. Nesse momento ele só mama pra dormi, não mama mais á qualquer hora como antigamente, só duas vezes ao dia, mais quando eu descobri minha segunda gravidez, ele tinha apenas 1 ano e 5 meses, e eu nunca pensei em tirar o peito cedo do meu filho, e sempre deixei ele bem a vontade pra mamar á hora que quisesse, aonde ele quisesse. Essa semana me deparei com uma publicação absurda no Facebook que me deixou revoltada. 
Não vo nem dizer que foi um homem que disse essas palavras, pois um homem de verdade respeita as mulheres e a liberdade delas amamentarem aonde se sentirem a vontade. Agora que dizer que sou obrigada a entrar com meu filho, meu bebê, num banheiro, sentar numa privada cheia de bactérias e fungos de qualquer lugar público pra dar de mama pro meu filho? Que lei me obriga a fazer isso, e me diz que eu não posso amamentar em público? Não quero nem imagina se essa pessoa se casar um dia e tiver um filho, tadinho do bebê vai ter que passar fome por que o pai dele não vai querer que á esposa dele o alimente na rua.

Nós seres humanos, vamos dizer assim, quando saímos e sentimos fome, paramos em qualquer lugar pra comprar algo pra comer, e simplesmente comemos. Quando um bebê nasce seu primeiro e único alimento deve ser o leite da mãe, e eu não vo deixar meu filho com fome por que existem por aí um monte de gente ignorante e sem educação.

O filho é meu, o corpo é meu e eu vo amamentar aonde eu quiser. Se você se sentir incomodado, se retire. E não queria tirar o direito de uma criança de se alimentar🖒

Desculpem minhas palavras e se em algum momento fui grossa meus amores, mais so quem é mãe e já passou por esse preconceito sabe como é. Essa é só minha humilde opinião sobre o assunto, quero saber a de vocês. Não esqueçam de deixar aí nos comentários.

Fiquem com Deus
Beijos😘, e até o próximo post!!!

Você vai gostar também

0 Comentários